domingo, 17 de fevereiro de 2013

Das coisas que não entendo - Horário de verão uma economia mal aproveitada


Nem tudo tem lógica nessa vida, ok! Mas uma coisa que eu realmente não entendo é o horário de verão, aquela mudança que uns amam e outros odeiam. É muito sutil uma hora de diferença, mas se você tem crianças e elas tem uma certa rotina e horários o impacto dessa mudança pode ser bem grande. Mas se é por um bem maior tudo bem, o problema é que somente uma parte do país adota essa mudança e isso não inclui a região que é a maior beneficiada com o sol, o nordeste.
Essa é uma das muitas incoerencias desse sistema, tomemos por exemplo Joao Pessoa, cidade que está a extremo leste e que possui o slogan "aqui o sol nasce primeiro", se o sol nasce lá primeiro não seria devido a posição geográfica? Pois lembremos: a hora é determinada pelo sol, ponto. A questão é que não seguimos isso em detrimento de estar na mesma hora que grandes centros por interesses capeitalistas. Então a lógica da economia não faz sentido neste exemplo, visto que eles desperdiçam o sol que nascendo mais cedo por consequencia vai se pôr mais cedo, ele podia ser de fato aproveitado para diminuir a consumação de energia.
Outra incoerêcia é que o ano tem 12 meses e é dividido em 4 estações, qualquer aluno do antigo primário, atual sei lá o que, sabe que nessa questão matemática cada estação dura 3 meses, mas o horário de verão começa antes do verão começar e acaba antes, porque? Se a ideia é a diminuição do consumo de energia e dizem que se chega entre 5 a 15%, é plausível que comece antes, mas não que termine antes, o mais normal seria terminar junto ou depois do verão, a estação, pra fazer algum sentido nesse nome, horário de verão. Esta última mudança dos relógios começou dia 20 de outubro e acabou ontem, pra quem não sabe o verão começou dia 21 de dezembro (entendo que na maior parte do Brasil é complicado aferir quando é verão, uma vez que faz quase sempre calor) e terminará em 20 de março, lembramos assim de Tom Jobim que cantava as águas de março fechando verão, mas como já disse por aí precisamos também da composição aguaceiro de janeiro, responsável por algumas tragédias, mas isso é coisa de outro post.
Enfim, pra não ficar em cima do muro assumo, eu gosto do horário de verão, só nao gosto de mudar, entende? Não? Pois é complexo mesmo.
Mas a questão é se o horário de verão tem um apelo econômico numa coisa que nos é tão cara (tanto no sentido financeiro quanto estimada) porque não é unificado no país inteiro?
E se essa economia realmente vale a pena porque não um horário de inverno já que nessa época do ano os dias são mais curtos. Ok, parei (não me joguem pedras) não precisamos tanto por agora, mas um mínimo de coerência seria o país inteiro adotar esse conceito que é um pouco verde e ajuda um pouquinho nosso planetinha, né?
#prontofalei

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...