Pular para o conteúdo principal

Burgo - Torino

Como eu disse antes eu pensei nesse post só, somente e exclusivamente para minha amiga Fabiana (viu o cartaz, Fabi?) que AMA coisas medievais, então como aqui é um espaço eclético e democrático faremos uma visita virtual na medida do possível que este modesto blog pode fazer.



Já peço desculpas pela falta de alguns detalhes, mas é que ao querer jogar uma moeda numa fontana (a da foto acima) me vi sem nenhum puto e achei que tinha perdido a minha carteira e voltei correndo pra ver se não tava no carro, no chão ou até mesmo onde tomamos o café com nutella do ultimo post.
Fiz uma pesquisa histórica e sinceramente encontrei um blog que a moça escreve tão bem e com detalhes tão interessantes que vou citá-lo por aqui. Recomendo o blog da Clarissa Benedet, as duas fotos a seguir são também do blog dela, as demais minhas ou do maridão.
Antes de falar do Burgo em si, vamos ao parco Valentino que é onde fica o burgo.





"Parco del Valentino é um dos mais antigos parques publicos da capital piemontesa e abriga muitas estruturas culturais e publicas nos seus 421.000 m2. O parque, situado no centro de Torino às margens do rio Po’, é aberto durante todo o dia, todos os dias do ano. A origem do nome nao é precisa: alguns dizem ser de origem romana, outros dizem que herdou o nome de uma antiga capela sediada no local em tempos antigos, dedicada a Sao Valentim. Os projetos de idealizaçao do parque iniciaram no século XVI, mas a construçao em si sò começaria no século XIX, seguindo o projeto do paisagista frances Barrillet-Dechamps."



"O nucleo inicial do parque é considerado o Castello del Valentino, que herdou o seu nome do proprio parque, e é tambem um edificio historico de Torino. O antigo castelo, comprado por Emanuele Filiberto de Savoia, o duque “Testa di Ferro”, foi reformado no século XVII por uma das “madama reale” – Maria Cristina de Bourbon, esposa de Vittorio Amedeo II de Savoia e filha de Henrique IV, primeiro rei da França da dinastia Bourbon – o que explica o estilo frances da reforma. A duquesa Maria Cristina viveu ali durante décadas: fofocas historicas dizem que o castelo era um ponto de encontro para os seus amantes (nobres e servos) e que ela teria construido poços, tuneis, galerias e passagens subterraneas para garantir a proteçao dos seus segredos; até mesmo um tunel que atravessava o leito do rio Po’ e chegava até a outra margem, onde a duquesa possuia o castelo da vinha real. No século XIX o castelo sofreu reformas e abandono, até que em 1860 seria escolhido para abrigar a Faculdade de Engenharia Torinese; hoje em dia é uma das sedes do Politecnico de Torino e sedia a Faculdade de Arquitetura."
Nesse parcão todo que é lindo lindo é que fica o sujeito principal deste post: 




Nico e Noah fazendo figuração na foto

"Borgo Medieval, que nao é uma construçao medieval propriamente dita. Pensado e construido para a Exposiçao Geral Italiana de 1884, é uma reconstruçao de um burgo tardo-medieval com todas as principais caracteristicas estilisticas e arquitetonicas de prédios piemonteses e val d’ostanos da época, em escala real e com os mesmos materiais; a intençao inicial era de construi-lo para a feira e logo apòs desmonta-lo novamente, mas foi feito diversamente, e o Borgo se tornou em 1942 um museu dedicado à arquitetura e cultura medievais." Mais ou menos a mesma coisa da torre Eiffel que era pra ter sido "desmontada" e tá lá até hoje.





"Dentro do burgo se encontram: vielas, casas, igrejinhas, praças, fontes, decoraçoes de época e lojas artesanais que funcionam desde 1884 até hoje vendendo artigos medievais – tudo cercado por muros e fortificaçoes e completado por uma “rocca”, estrutura de defesa tipico medieval."


"É um lugar genial para quem curte historia e cultura medieval! Alem das lojas em funcionamento, o Borgo tambem sedia exposiçoes, feiras e festas tematicas."


Comentários

  1. Você é uma vaca por me fazer passar vontade, mas fico grata pela homenagem. :p

    P.s.: Você percebe como Luis XIV me persegue? A madama reale lá que reformou o castelo era TIA dele. Amo os Bourbons. <3

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não tô com muito tempo, mas ainda vai ter mais coisa q vc vai gostar.

      Excluir
  2. Acabei de ler o seu post, muito obrigada por me citar e recomendar, fico muito honrada!!

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Das perguntas: Papel higiênico, no vaso ou no lixo?

Eu vivo me fazendo perguntas e nem sempre tenho as respostas, essa pode parecer inusitada, mas sim, já pensei nisso e me surpreendi com o que descobri. Aqui no Brasil todo banheiro que se preze tem lixeira e muitos banheiros públicos tem a seguinte placa:
Em portugal encontrei a versão lusitana da coisa e acho que herdamos esse hábito deles, acho, porque não tenho a menor certeza.
Quando morei fora percebi a inexistência da nossa companheira lixeira, e vi que o papel era descartado no vaso sem o menor problema. Tenho por hábito seguir os hábitos e assim fazia, até porque fora da minha casa não havia essa opção, mas quando voltei continuei usando a lixeira nossa de casa dia. Tudo muito bom e muito bem até eu me casar com um "gringo" e ele me perguntou porque não colocávamos os papéis no vaso, de pronto mais que automatico e mecanicamente respondi: "Oras, porque entope!" Pouco depois pensei, mas na França não entopia... Será mesmo que entope? Ou fomos ensinados a usar is…

Aniversário de 1 ano diferente

Voltando ao assunto alegre do mês, que foi o niver do filhote, vou postar aqui algumas coisas referentes à comemoração, me recuso a dalar sobre Feliciano e as loucuras desse país, vou falar de coisa alegre.
Sou meio avessas as regras e as normalidades, o que as vezes não preenche as expectativas alheias, mas também não me preocupo com o que vao pensar falar etc e tal. Portanto, acredito que o primeiro aniversário nada mais é do que a comemoraçao dos pais pelo nascimento do filho, e no nosso caso meu filho e nós (papais babões) merecemos até mais que um dia de comemoraçao, pois o esperamos ansiosos por três dias como eu relatei aqui.


Na verdade os meus planos iniciais não foram completamente concretizados por interferencias da natureza porque choveu um pouco, da vô e tia. Mas em se tratando de um churrasco foi dificil ser sustentável, na medida do possivel separamos latinhas de cerveja e pets para o descarte e fizemos o docinho com copinho comestivel que sera a receita do pr…

mama sutra

Como eu já disse em outros posts agora vou cumprir o post do mama sutra. Como sou mãe full time e blogo nas horas vagas, pela minha ausência nota-se que as horas vagas são poucas. Descobri o termo curioso e engraçado "mama sutra" com a médica que auxiliou no meu parto e que é uma amiga do peito. Aliás aproveito pra divulgar essa iniciativa bacana que tem reuniões mensais que podem ajudar as recém mamães com as questões relativas a amamentação. Conheça as amigas on line através do site http://www.amigasdopeito.org.br/ Voltando ao assunto, muitas vezes achamos antes de ter o filho que para mamar tem que estar sentada na cadeira de amamentação, com o bebê deitado nos nossos braços. Porém isso é a amamentação da TV idealizada, se um bebê mama de 3 em 3 horas durante meia hora, significa 4h sentada naquela cadeira, incluindo horas da madrugada, ou seja, não é bem assim que as coisas vão funcionar, e se for assim, você se transformará numa mãe mega cansada dormindo mal pra caramb…